Marcações e serviços urgentes 24h 365 dias

Obstrução Urinária em Gatos

 
Obstrução Urinária em Gatos - FAQs

Obstrução Urinária em Gatos - FAQs

2021-11-18

Como se manifestam as obstruções urinárias?

As obstruções urinárias podem estar associadas à presença de cálculos urinários, obstrução das vias urinárias (nomeadamente ureteres e uretra) e inflamação da bexiga (cistite). 

Quais as causas?

- Dietas comerciais pobres em água;

- Ingestão de pouca água;

- Stress (mudança de ambiente, incorporação de um novo membro na família, etc);

- Retenção da urina por períodos prolongados;

- Obesidade (associado a estilos de vida mais sedentários);

- Processos inflamatórios (gatos diabéticos ou com infeções virais);

- Problemas anatómicos e tumorais (que predispõem os gatos a ter dificuldade em urinar);

Quais os sinais clínicos?

- Alterações normais do comportamento;

- Alterações dos hábitos de higiene;

- Desconforto e dor;

- Maior frequência nas idas á leiteira (Muitas vezes urinam fora das caixas de areia);

- Aparecimento de manchas de sangue na urina;

- Vocalizações;

- Podem lamber a área junto ao pénis;

- Adotam a posição para urinar e inclusivamente fazem muita força mas não conseguem urinar;

É considerada uma emergência?

Sim! Visto que provoca muita dor e desconforto ao animal sempre que este tenta urinar. Para além disto, em situações mais graves pode ocorrer rutura da bexiga devido á acumulação da urina. 

Por outro lado pode surgir insuficiência renal devido à acumulação de substâncias tóxicas no sangue, devido ao facto do rim não conseguir filtrar. 

Numa fase inicial o gato encontra-se moderadamente deprimido, no entanto passadas 48 horas poderá entrar em coma ou até mesmo morrer, pelo que é muito importante que o tutor se desloque a um centro de atendimento veterinário aquando o surgimento de qualquer um dos sinais clínicos acima descritos. 

                                     ecografia gato

Existe alguma relação com a castração?

Sim! É mais comum em animais castrados, principalmentea obstrução ao nível da uretra. 

No entanto é importante referir que pode ocorrer também em machos inteiros e fêmeas não esterilizadas. 

É mais comum em fêmeas ou machos?

É mais comum em machos. O facto da uretra ser mais longa e estreita, no caso dos machos, aumenta o risco de obstrução devido a processos inflamatórios ou cálculos urinários.

Em que fase da vida ocorre?

Está descrito que é mais comum ocorrer em idades compreendidas entre os 2 e os 6 anos, verificando-se que o risco parece diminuir com a idade. 

Como se trata?

- Recolha de urina para análise;

- Terapêutica adequada (antibióticos e analgesia);

- Algaliação;

- Fluidoterapia;

- Em casos mais graves, cirurgia,  para remoção de cálculos urinarios;

Como podemos prevenir?

- Cuidados com a dieta (existem atualmente dietas formuladas com o intuito de evitar a formação de cálculos urinários, nos gatos);

- Controlo do volume de líquidos ingerido (procurar inclusivamente adicionar alimentação húmida ou água á ração seca, de maneira a garantir um maior aporte de água);

- Medicação administrada diariamente (em caso de teremao  episódios recorrentes);

- Disposição de várias leiteiras e de taças com água por toda a casa;

- Limpeza das leiteiras;

- Ter atenção a possíveis alterações de comportamento;

                                    banner marcação consulta