Marcações e serviços urgentes 24h 365 dias

Plantas tóxicas para os animais

 
Plantas tóxicas para os animais

Plantas tóxicas para os animais

2023-04-13

Intoxicação animal através de plantas

As plantas podem ser uma adição bonita a qualquer casa ou jardim, mas algumas podem ser tóxicas para os animais de estimação.

A intoxicação através de plantas é muito recorrente nos animais até aos 8 meses, tornando-se por isso importante estarmos informados, evitando uma ida ao veterinário.

Quando jovens, os animais têm tendência para cheirar e comer de tudo, sendo necessário ter cuidado com as plantas que temos em casa.

Plantas tóxicas para animais

A imagem abaixo apresenta imagens de plantas que gostamos, mas que infelizmente podem ser tóxicas para os animais de estimação.

  • Lírio, pode originar irritação nos olhos, boca e mucosas, pele seca e avermelhada, agitação psicomotora, dificuldade em engolir, alucinações e problemas respiratórios);
  • Hera, pode originar coceira excessiva, irritação nos olhos, irritação oral, dificuldade de deglutinação e respiração;
  • Túlipa, pode originar vómitos, irritação gástrica e diarreia;
  • Violeta, pode originar nervosismo, gastrite severa, queda na circulação e respiração, vómitos e diarreias.
  •                                                           plantas tóxicas para animais

Dicas para evitar a intoxicação animal através de plantas

Aqui estão algumas dicas para evitar uma visita ao veterinário devido à ingestão de plantas tóxicas:

  1. Conheça as plantas tóxicas: familiarize-se com as plantas tóxicas e evite ter essas plantas em sua casa ou jardim. Mantenha-se atualizado sobre quais plantas são tóxicas para os animais de estimação e fique atento se o seu amigo tiver acesso a plantas tóxicas em áreas públicas ou de vizinhos;
  2.  
  3. Mantenha as plantas fora do alcance: coloque as plantas em áreas que os animais de estimação não possam acessar ou use cercas ou barreiras para impedir o acesso;
  4.  
  5. Crie um espaço seguro para o seu animal de estimação: crie uma área segura e confortável para o seu animal de estimação dentro de casa ou no jardim, onde não haja plantas tóxicas. Isso pode ajudar a prevenir acidentes;
  6.  
  7. Monitorize o comportamento do seu animal de estimação: avalie o comportamento do seu animal de estimação e esteja atento a sinais de envenenamento, como vômitos, diarreia, salivação excessiva, tremores musculares e dificuldade para respirar. Se suspeitar que seu animal de estimação ingeriu uma planta tóxica, procure atendimento veterinário imediatamente;
  8.  
  9. Não use plantas tóxicas como decoração: evite usar plantas tóxicas como decoração em festas ou eventos, onde o acesso dos animais de estimação pode ser mais fácil;
  10.  
  11. Eduque as pessoas ao seu redor: informe os seus amigos e familiares sobre as plantas tóxicas e os perigos para os animais de estimação;

Lembre-se sempre que a prevenção é a melhor maneira de evitar uma visita ao veterinário. Se suspeita que o seu animal de estimação ingeriu uma planta tóxica, não hesite em procurar ajuda veterinária imediata. O tratamento precoce pode ajudar a evitar complicações graves e salvar a vida do seu animal de estimação.

                                    banner marcação consulta